menu

Anuncie aqui.

Booking.com

3 de junho de 2015

TIRADENTES - MG


Dentre as cidades que pesquisamos,  achamos pouquíssimas coisas sobre Tiradentes, no que se refere a passeios, daí resolvemos fazer um relato de nossa curta visita à cidade.

Há de se observar que o que vamos relatar se trata de uma breve passagem (apenas meio dia) e há muito para se conhecer na cidade, e creio, vale a pena ir a Tiradentes passar um feriadão...

Resumindo, a cidade tem muito artesanato, uma gastronomia bacana, muita natureza...., agora PREÇO nada muito barato, mas compensa. 

A cidade é pequena, romântica e muito bonita. As construções antigas estão muito bem mantidas e rendem excelentes fotos.


O CONTEXTO  DA CHEGADA A TIRADENTES MG:


Estávamos mochilando, como sempre, e desta vez fazendo o passeio postado na semana passada DESBRAVANDO A ESTRADA REAL. Passamos apenas um dia na cidade, tendo passado no dia anterior em Lagoa Dourada MG, a terra do rocambole original.

Chegamos no horário do jantar, depois de curtir as estradas da região. Comemos um tutu a mineira, que devido a fome que estávamos realmente parecia um manjar dos deuses.

Acordamos cedo e ficamos frustrados com o tempo ruim. Ruço, frio e havia chovido. Este motivo nos fez desistir de seguir no mesmo dia, mas deu para aproveitar para conhecer a cidade.

Passamos pela Calçada dos Escravos, construída por eles no período das explorações do ouro, quando se buscava vias de escoamento para facilitar o transporte de alimentos e outros produtos. O lugar impressiona.


Em seguida fomos ao mirante, de onde vemos ao longe a cidade de Tiradentes


A trilha passa por trechos muito interessantes. Passamos pelo túmulo do carteiro, lenda que deu origem ao nome da trilha. No túmulo jogamos uma pedra e fazemos um pedido (tradição popular).

Após a trilha fomos almoçar no restaurante da Mercês, pedimos o tradicional frango com quiabo.  


Diga-se de passagem: muito caro e muito... muito ruim. Aliás, tudo estava mesmo ruim naquele lugar:  Atendimento ruim, quase tivemos que agarrar os atendentes pelo pescoço para pedir alguma coisa. Não recomendo e espero que tenha sido uma falta de sorte nossa...

No retorno para o hotel havíamos decidido seguir, após aquele “magnifico almoço”, para São João Del Rey, o dia havia estiado,e no caminho achamos uma loja de doces e bebidas. 


Deu vontade de comprar a loja toda!  Vendem trufa por quilo, de diversos sabores. Vendem também fondue de chocolate com frutas, em copinho a R$ 5,00. Compramos doces em compota, licor, trufas.

Outras considerações:

À noite no Largo das Forras encontra-se vários bares com música ao vivo.

Restaurantes são inúmeros, espalhados pela cidade toda.

Doces, queijos e cachaças estão também em toda parte. Várias lojas com variedade imensa.

O passeio de Maria Fumaça leva os turistas até a vizinha São João Del Rey, quem se interessar em ir tem que ficar de olho pois são só 2 horários por dia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário