menu

Anuncie aqui.

19 de abril de 2017

MACACOS - SÃO SEBASTIÃO DAS ÁGUAS CLARAS

Por: Junior de Carvalho


Fala galera mochileira, hoje vamos falar de um lugar muito interessante e perto, o qual tenho a certeza de que poder der uma excelente opção caso decida fazer o mesmo que a gente fez, sem gasta praticamente "nada".




O destino foi São Sebastião das Águas Claras, um distrito do município mineiro de Nova Lima, que também conhecido como Macacos, localizado a 25 km de Belo Horizonte, com aproximadamente 3 mil habitantes.


A Vila é privilegiada por ficar entre rios e montanhas, o local é muito visitado pelos amantes da natureza e aventureiros, possui muitas opções em hospedagem para todos os gostos. 

Antes de seguir em nossa aventura, procuramos informações sobre pontos turísticos e cachoeiras. Para a nossa tristeza descobrimos que não basta apenas ir, tem de verificar mesmo antes, obtivemos informações preciosas que vamos destacar nessa postagem.

Há relatos de locais em que além da violência, roubos, existe risco até de danos físicos. A cachoeira pesquisada tinha relatos de "cacos de vidro, sujeira detritos metálicos ao fundo da água". Diante disso optamos por escrever sobre os locais que nos deram certa confiança e tranquilidade.

O caminho para Macacos é bem tranquilo, uma estrada relativamente boa, considerando o tipo de aventura é até ótima e a vila é muito bacana, uma herança deixada pelos bandeirantes portugueses que desbravavam a região em busca das riquezas de nosso país. A região é cercada também de diversos condomínios de luxo e hotéis, que demonstram que se trata realmente de uma região muito valorizada.



As ruas do centro histórico são bem estreitas, o que dificulta para estacionar os carros, em Macacos não tem posto de gasolina nem farmácias, se precisar terá de ir até o Jardim Canadá ou voltar para Belo Horizonte, há de se levar isto em conta quando decidir ir até o local.

Em nossa brincadeira a opção foi mesmo focar em conhecer o vilarejo, verificar a parte de gastronomia e passar pela cachoeiras para conhecer, o que nos entristeceu em ver como um lugar pode ser tão mal cuidado, embora ainda preserve sua beleza.

- Cachoeira de Macacos


A Cachoeira dos Macacos, como é conhecida, é formada por um salto único de aproximadamente dois metros de altura. O local é contornado por formações rochosas, por onde a água percorre. 


A cachoeira é realmente muito bonita, mas de perto pode-se ver o que a ação do homem faz a lugares como este. Como um lugar para os olhos ainda vale a pena.

Como já haviam nos falado acerca de usuários de drogas e roubos no local, não ficamos muito tempo, somente o suficiente para registrar nossa passagem. (Embora o local estivesse vazio no dia, não "pagamos para ver" o que poderia nos acontecer)

Voltando a estrada e ao vilarejo, você se sente bem no interiorzinho de Minas Gerais, dá mesmo vontade de ficar e aproveitar mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário